quinta-feira, 26 de abril de 2012

Aborto

,
 A expressão “aborto” se caracteriza pela morte do embrião ou feto, que pode ser espontânea ou provocada. Fonte
  
Aborto espontâneo: causado por acidente, anomalias cromossômicas, fatores emocionais, infecções e etc.

Aborto provocado: Quando a gestação é interrompida. Métodos: Curetagem, dilatação, sucção e injeção salina (esta é segura se feita nas primeiras semanas de gestação)


Provocar um aborto? Custava se prevenir? 
Com exceção das mulheres que foram estupradas, correm risco de vida ou  tem seus filhos com anomalias e optam pelo aborto segundo a lei. (Ex: anencéfalos) O restante me indigna! 
O feto não tem culpa da falta de prevenção dos pais. Eu sei que a frase "ele não pediu para nascer" virou clichê, mas é real! Quem fez o filho foi você, assuma! 
Vale a pena jogar uma vida no lixo por causa de um descuido? E se fosse você sendo jogado fora como o resto de um almoço? 


Consequências: Muito mais do que consequências físicas, o aborto pode provocar danos psicológicos para a mãe, em especial, e para a família como um todo. Danos causados às trompas por possível infecção pós-aborto, causando infertilidade (em 18 % das pacientes) estão entre as principais preocupações. O aborto pode provocar complicações placentárias novas (placenta prévia), tornando necessária uma cesariana, para salvar a vida da mãe e da criança. O aborto criou ainda novas enfermidades como a síndrome de Asherman e complicações tardias, que poderão provocar necessidade de cesariana ou de histerectomia (extração total do útero). Mas dentre todos os problemas, o mais grave é a hemorragia, que transforma a nova gravidez em gravidez de alto risco, podendo levar ao óbito. R7

No caso de uma gravidez indesejada, o aborto nunca deve ser a solução. Se você não tem condições de criar um filho, converse com seus pais, amigos, parentes... Sempre tem alguém disposto a ajudar. Tirar uma vida não é a solução. 

Mulheres: vocês tem o dom de carregar um vida na barriga, guardar o seu filho por nove meses até que ele venha ao mudo. Viva isso, não interrompa. 
Se aconteceu, aproveite!

Homens: Vocês é que plantam a sementinha, cuide dela com amor. Dê apoio a sua parceira e faça com que ela se sinta bem. Faça-a se sentir ainda mais amada!

Deixa eu te contar uma coisa: Aborto é crime! :)
No Brasil, o aborto é tipificado como crime contra a vida humana pelo Código Penal Brasileiro, em vigor desde 1984, prevendo detenção de um a quatro anos, em caso de aborto com o consentimento da mulher, e de três a dez anos para quem o fizer sem consentimento. Wikipedia

Reflita: Não vale a pena morrer ou ir preso só pelo fato de não ter se prevenido. Camisinha existe!
                              

Comentários
2 Comentários

2 comentários to “Aborto”

  • 30 de abril de 2012 13:38

    perfeito! mundo está cheio de pessoas irresponsáveis que não sabem o valor que um vida tem. Parabéns pela consciência!

  • 30 de abril de 2012 13:47

    Obrigado Henrique! ^~^

Postar um comentário

 

Distribuindo Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger Templates