segunda-feira, 7 de maio de 2012

Pais separados

,

Quem já passou por isso, sabe que não é fácil. Ninguém quer ver os pais brigando e nem se separando, mas e quando eles decidem que essa é a melhor saída?
Cada idade uma reação. É obvio que uma criança vai reagir totalmente diferente de um adolescente na mesma situação, mas isso não significa que os pais terão que continuar juntos até que o(s) filho(s) cresça(m). O jeito é tentar fazer disso o menos traumático possível.

  • Pais: nada de discutir na frente dos filhos. Eles não tem nada a ver com os problemas de vocês.
  • Filhos: Sejam compreensivos. Se não existe amor, não tem porque continuar um relacionamento. Você quer ver os seus pais tristes?


Com quem ficar?

No caso de uma criança, é bem provável que fique com a mãe, os maiores podem decidir isso juntamente com os pais. Mas, independente de quem tenha a guarda, o outro também tem que ser presente na vida do(a) filho(a).
Leia mais aqui

Para ajudar na discussão do assunto, perguntei a algumas pessoas como elas lidaram com a separação dos pais.


Deorgenes Gonçalves
Eu tinha 4 anos e num tava nem aí

  Higor Aquino
Meus mais estão separados desde quando eu tinha 8 meses. Meu pai e minha mãe são amigos. Meu pai é presente na minha "criação" e auxilia em tudo que eu precisar. 

 Sandy Thaís
Para mim é tranquilo, são adultos e sabem o que fazem. Mas, sinto falta da minha mãe estar comigo todo dia, acho que se a relação deles não é boa, não sou eu quem deve decidir se eles tem que permanecer juntos ou não. Coube a eles essa decisão, o que tenho a fazer é apoia-los no que eles precisarem. É logico que se eu pudesse escolher, queria que ficassem juntos, mas como não dá, aceito o que eles fizerem.

 Lipe vieira
Os meus separaram quando eu era bem novo, então não tive nenhum problema. Sempre levei isso numa boa.

 Douglas Sorrilha
Não tive muita dificuldade na separação em si, eu era pequeno tinha uns 10 anos, tive mais dificuldades quando fui ficando mais velho. Morava com a minha mãe, mas sempre me esforçava para eu mesmo ir ver meu pai, ele era empresário e eu sempre ia lá na empresa dele de tarde e ficava por lá, não ficava esperando ele ir na minha casa me buscar, daí sempre tava ligado nas duas partes.

Não é fácil ver as pessoas que a gente mas ama se separando, mas temos que entender que o amor deles por nós não muda. Eles vão continuar sendo nossos pais, só que em casas diferentes.


Obs: Escrevi esse texto pensando num casal  com filho(s), e que tenham se separado amigavelmente. (Nada de confusão, briga, barraco na casa da vizinha...) 
 Um casal que em comum acordo decidiu que não daria mais certo a relação e resolveram se separar.

Comentários
0 Comentários

0 comentários to “Pais separados”

Postar um comentário

 

Distribuindo Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger Templates